Experiência com Espírito Santo


Qual a maior contribuição da Teologia Pentecostal para a fé cristã?

Cremos que a maior contribuição da Teologia Pentecostal para a fé cristã está totalmente ligada com a ação sobrenatural da terceira Pessoa da Trindade na vida do crente. O Espírito Santo é o protagonista do movimento pentecostal no mundo e dentro da teologia pentecostal, é visto como o revelador da presença de Deus, que, segundo Mark D. Mclan, uma revelação que acontece no ambiente da experiência. Ele salienta que a experiência com a terceira Pessoa da Trindade, evidenciada no Batismo com o Espírito Santo que tem como seu principal indicador a oração em línguas estranhas – glossolalia – é a fonte organizativa e normativa da fé pentecostal.

Ao experimentar o derramar do Espírito Santo, pode se observar o agir dEle na história pessoal e comunitária do crente, Ele revigora a fé e potencializa a vida humana. Um exemplo seria uma nota de 100 reais, podemos amassá-la, pisar em cima e ao abri-la novamente com as mãos, ela continua valendo os seus 100 reais descrito nela. O inimigo de nossas almas nos marginaliza e nos destitui da filiação divina, devido as nossas escolhas pelo pecado – que significa errar o alvo – e ficamos longe da presença de Deus. O nosso valor para o mal não existe, pois “nos usou” para seus objetivos, mas para Deus, somos seus filhos – embora desgarrados – Ele continua nos amando. O Espírito Santo nos convence do pecado e ao receber Jesus Cristo como salvador, somos perdoados por Deus, temos pela fé a oportunidade de ser cheios do Espírito Santo e através desta experiência, resgatar a nossa dignidade e posição correta diante do Pai. O Espírito Santo nos empodera – dá poder e nos autoriza – para agir como agentes do Reino de Deus na terra. Esta experiência com o Espírito contribui para a elevação da nossa autoestima, nos devolve a dignidade pessoal e nos torna aptos como agentes participativos nas ações da igreja.

A igreja de Jesus Cristo ao passar pela experiência do batismo com o Espírito Santo, ela terá a oportunidade de experimentar uma gama de ações espirituais: a ênfase na espiritualidade e nos dons espirituais, uma nova dinâmica litúrgica, uma intensa atividade de leigos na expansão e na administração eclesiástica. Segundo Pommerening:
“é assim que o Espírito constrói a comunidade com experiências revelatórias de seu caráter abençoador e na concretização imediata do Reino de Deus entre os que se deixam levar pela visitação do Espírito”.
Referências Bibliográficas
– MCLAN, D. Mark. O Espírito Santo. In: Teologia Sistemática: uma perspectiva pentecostal. HORTON, M. Stanley. Rio de Janeiro: CPAD, 1996. p. 390-391.
– POMMERENING, Claiton Ivan. Fragmentos de uma teologia do Espírito para o pentecostalismo clássico. In: Azusa: Revista de Estudos Pentecostais, Joinville, v. 5, n.2, p. 23-40, jul./dez. 2014.

Autor: Pr Márcio Batista

Texto produzido como resposta ao fórum "em sua opinião, qual a maior contribuição da Teologia Pentecostal para a fé cristã" na disciplina de Teologia Pentecostal da Faculdade Refidim de Joinville, SC.



______________________________
É proibido copiar os artigos deste site. A publicação dos artigos aqui postados em outros sites, blogs, impressos, trabalhos acadêmicos, ou  trabalhos científicos devem seguir a regra da ABNT. Copiar deliberadamente na íntegra qualquer conteúdo deste site, implica em crime, previsto no Código Penal. Lei do direito autoral. Todos os direitos reservados a Márcio Batista de Florianópolis, SC, Brasil.

Postagens mais visitadas

Imagem

Produções gratuitas

Imagem

Rádio Evangelismo

Imagem

Vontade de Deus