O Novo Ano


"... confio no SENHOR, sem vacilar" (Salmos 26:1).

"Você tem algum ressentimento que gostaria de remover de seu coração? Algum erro antigo que continua ferindo sua alma? Junte-os todos agora e atire-os para bem longe, quando o novo ano chegar. Os maus pensamentos são pesados e difíceis de levar, meu amigo, e a vida é muito curta, do princípio ao fim. Seja generoso consigo mesmo -- não guarde nada de ruim para depois, -- quando o novo ano chegar."

Faltam poucos dias para a chegada do novo ano. O que estamos guardando para ele? As mágoas, as frustrações, as lutas incessantes, as angústias de todo o ano anterior, as incertezas acumuladas, os choros e as esperanças perdidas? Não! Com toda firmeza e certeza, não!

As coisas passadas e ruins devem ficar para trás, queimadas na fogueira do esquecimento. Afinal, devem ter servido para nossa edificação, crescimento e fortalecimento espiritual.

O novo ano está chegando e devemos começar a exercitar nossa fé, a abrir os pacotes de nossas esperanças, a acender as lâmpadas das árvores de nossos sonhos, a plantar as sementes que nos possibilitarão colher os frutos de nossas bênçãos tão ansiosamente almejadas.

Quando o novo ano chegar, tudo será diferente. É isso que desejamos, é nisso que precisamos crer. O Senhor estará conosco, guiará nossos passos, segurará em nossas mãos, comemorará ao nosso lado cada uma das vitórias alcançadas.

Quando o novo ano chegar, nosso mundo será mais colorido, o sol brilhará com mais intensidade, haverá mais sorrisos em nosso rosto, a nossa felicidade por fim será completa.

Você continua guardando as decepções do velho ano ou já se desfez de tudo, deixando espaço livre para tudo de bom que Deus lhe dará no novo ano que já vai chegar?

Autor: Paulo Roberto Barbosa

Postagens mais visitadas

Imagem

Produções gratuitas

Imagem

Rádio Evangelismo

Imagem

Vontade de Deus